12 grandes e controversos escândalos do K-Pop

12059541_10205432087974111_808465551_o

G-Dragon “dry humps”

Durante seu concerto “Shine A Light”, G-Dragon foi acusado de fazer movimentos inapropriados com sua dançarina que estava deitada em uma cama na vertical em cima do palco. A controvérsia foi tão grande que o governo coreano teve que investigar a performance. Se G-Dragon fosse condenado culpado, poderia pegar um ano de prisão. A dançarina, Aimee, disse que não houve nada do que estava sendo dito e que as suas pernas só estavam em volta do corpo de GD.

Assista o vídeo:

 

Soohyun (U-KISS) e Jo Kwon compartilham ter um relacionamento íntimo

item_104281_1280px_b4e08c61ed034daab59b0ee713e5e81f

Em 2008, muitas pessoas estavam especulando sobre a sexualidade de Jo Kwon. Apesar dos rumores terem cessado após sua aparição no programa “We Got Married”, logo voltou à tona. Os internautas desenterraram algumas cartas entre Jo Kwon e Soohyun, revelando o que os cantores sentiam um pelo outro. Foi dito que nas cartas continham mensagens de que os dois tinham desejo de comer, dormir e viver juntos. No final, Jo Kwon desmentiu os rumores, e disse que eram apenas brincadeiras entre amigos.

 

Mulher alega ter dormido com Seungri

item_104282_1280px_6ed03ba894174d7ea6fa7d55b50a2777

Uma mulher japonesa alegou para um jornal japonês que passou a noite com o membro do BIGBANG, Seungri. Com imagens de Seungri dormindo em uma cama, a mulher acusou o cantor de tê-la estrangulado durante o sexo e não ter se quer dado um único beijo nela. Seungri ficou um tempo sem se promover para poder refletir, mas muitas fãs dizem que as imagens foram manipuladas. Nunca foi provado se o caso foi real ou não.

 

A intrigante morte de Kim Sung Jae

item_104291_1280px_931b95be858d4f45b201a8cf78a12b33

Em novembro de 1995, o cantor Kim Sung Jae foi encontrado morto em um quarto de hotel com 28 perfurações de agulhas em seus braços. A conclusão foi que ele havia injetado estimulantes animais em seu corpo. No entanto, o fato do cantor nunca ter usado drogas trouxe a suspeita de um homicídio. A suspeita foi sua namorada que tinha certos problemas mentais. Na ocasião, a namorada de Kim Sung Jae o amarrou enquanto ele estava dormindo para evitar que ele fosse a um compromisso. Além disso, ela atirou nele com uma arma de gás e ligava todos os dias quando ele estava fora do país. No final, a namorada foi inocentada, dizem que a mudança no veredito foi devida as boas condições financeira de seus pais e de outras pessoas influentes.

 

 

A série de escândalos de Ivy e sex tapes

item_104283_1280px_1a6e0bf2f5e04aa78d67f6a90068436d

Em 2007, a cantora Ivy esteve envolvida em uma série de escândalos, começando com o plágio de uma cena de luta de “Final Fantasy VII” em seu MV para “Sonata of Temptation”. No mesmo ano, o ex-namorado de Ivy chantageou a cantora com fotos nuas dela e vídeos de sexo que nunca vieram a aparecer. O ex-namorado foi preso. Não muito tempo depois, foi dito que a cantora traiu seu namorado, o cantor Weesung, durante 8 meses. Em 2010, Ivy se envolveu em um novo escândalo quando pessoas afirmaram terem achado um vídeo de sexo onde ela aparecia. Mais tarde, se descobriu que não era Ivy no vídeo.

 

Disputa de contrato do KARA e dissolução

item_104284_1280px_579b317b1c164d3580d1f12112f36163

Devido ao seu “contrato escravo” as integrantes do KARA processaram sua empresa, a DSP Media, pois queriam o fim do contrato por conta das longas jornadas de trabalho e dos pagamentos injusto. A DPS Media negou todas as alegações das garotas. Depois de alguns meses, o grupo retornou a empresa depois de verem o crescimento das vendas dos seus álbuns e voltaram com força total para a mídia.

 

As alegações de bullying no T-ARA

item_104286_1280px_dc32303d50a0462289725dcb181dfe3f

Em 2012, a integrante Hwayoung decidiu deixar o grupo. Os internautas através das publicações no Twitter das outras integrantes começaram a achar mensagens de que as garotas praticavam bullying com Hwayoung, o que teria causado a sua saída do grupo. As integrantes perderam várias publicidades, foram tiradas de programas e quando o grupo fez seu retorno com “Sexy Love”, não conseguiram chegar ao topo dos charts musicais.

 

Jae Won do Code-V

item_104292_1280px_8e13e5d06e8c4843a98721422a125d7f

Apesar de não ser conhecido por muitas pessoas, Jae Won foi expulso do grupo depois que sua ex-namorada escreveu e publicou uma carta na internet.

A ex-namorada disse que o cantor havia lhe usado por dinheiro, além de engravidá-la e por fim acabou o relacionamento depois de ter a usado. Ela também espalhou rumores de que ele tinha preconceito contra os fãs japoneses e que ele ficou feliz com o acontecimento do terremoto no Japão em 2011. Por causa disso, a agência japonesa, Dream Music, tirou Jae Won do Code-V.

 

Fãs do Super Junior declaram guerra a SM

item_104287_1280px_5210cd237179462da5fd85c596a49cca

Em 2007, a SM planejou fazer uma subunit chinesa com a adição de Zhou Mi e Henry. Em pânico de que a empresa adicionasse os dois membros a formação original do Super Junior, as fãs passaram a protestar em frente a SM Entertainment com faixas que diziam “Only 13”. Quando a agência ignorou os fãs, eles juntaram seu dinheiro e compraram 58.000 ações da SM Entertainment. A agencia finalmente se deu por vencida e não adicionou os integrantes ao grupo.

 

Jang Seok Woo pratica agressões sexuais contra trainees

item_104288_1280px_a44e18aba1554d4cb1c3a32dab25648f

CEO da Open World Entertainment, Jang Seok Woo foi sentenciado por cometer agressões sexuais contra os trainees da sua empresa. Repórteres alegaram que o homem fazia as vítimas beberem líquor adulterado e abusava delas no porão do estúdio. Ele também forçava seus trainees do sexo masculino a abusarem das trainees do sexo feminino enquanto ele mandava mensagens do que os garotos deviam fazer e assistia tudo de outro quarto. Jang Seok Woo foi sentenciado a 6 anos de prisão.

 

Fãs expulsam Jay Park do 2PM, mas ele retorna melhor do que nunca

11738041_1639650362915660_3597352166866593918_n

Depois de descobrirem posts onde Jay havia escrito opiniões negativas sobre os coreanos quando ainda era adolescente, as fãs ficaram com raiva e pediram a saída dele do 2PM. Jay Park saiu do grupo e pediu desculpa para os fãs. Depois de voltar para os Estados Unidos, as fãs pediram que ele retornasse para a Coreia e em 2010 ele voltou e hoje é dono da sua própria empresa.

Leia mais sobre o caso na nossa matéria: ARTISTA DO MÊS – JAY PARK

 

G-Dragon usa maconha “acidentalmente”

item_104290_1280px_ab469e7eec6341f7bdc080631aef9fb1

Apesar de o consumo de álcool ser completamente normal na Coreia, o uso de drogas é estritamente proibido. Qualquer pessoal que seja pega fumando maconha ou consumindo outra droga irá direto para a cadeia, mas depois do teste de G-Dragon ter dado positivo para o consumo de maconha, o artista alegou que ficou extremamente bêbado em uma festa, e tomou um cigarro da mão de uma pessoa e fumou achando que era um cigarro comum.

 

via: Koreaboo

Um comentário sobre “12 grandes e controversos escândalos do K-Pop

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s